Carta de apresentação: Aprenda o que é e como fazer a sua!

A seguir, veja como fazer uma carta de apresentação corretamente, aumentando suas chances no mercado de trabalho!

Surgiu uma vaga de emprego perfeita e você sabe que pode mostrar o potencial além do seu currículo? A carta de apresentação é essencial para seu marketing pessoal. 

Se você quer se destacar diante dos concorrentes ao cargo, continue a leitura deste conteúdo e saiba como fazer uma carta de apresentação profissional. Confira!

O que é carta de apresentação?

A carta de apresentação é um anexo ao currículo enviado para o recrutador sobre a vaga desejada. 

Enquanto o currículo fala das suas experiências de trabalho anteriores, a carta tende a mostrar de forma pessoal que você é a pessoa ideal para as atividades solicitadas. 

Mas, como o objetivo aqui é uma vaga na empresa, alguns cuidados devem ser tomados a fim de manter um profissionalismo, mesmo na hora de abordar o lado pessoal. 

O que deve constar na carta de apresentação?

Já sabemos que este é um documento formal que pode aumentar as suas chances de ser contratado. Portanto, o profissionalismo deve ser o ponto principal para a construção. Mas afinal, o que eu escrevo na carta de apresentação? Veja:

  • data; 
  • destinatário; 
  • conhecimentos; 
  • requisitos da vaga; 
  • como você pode ser a pessoa ideal que a empresa busca; 
  • assinatura.

O que NÃO colocar na carta de apresentação?

Algumas questões podem ser interessantes para a vaga, mas acabam por deixá-la extensa, então vamos listar o que deixar de fora da apresentação: 

  • características pessoais;
  • informações genéricas ou cópias; 
  • dados indevidos; 
  • muita informação;
  • discurso de desculpas;
  • pontos negativos.

Pense que o profissional que vai ler a sua carta também lerá a de todos os outros candidatos. Imagine que desagradável ver as mesmas respostas ou bater com o seu currículo e identificar alguma divergência? Seja o mais breve e claro possível. Muitas vezes, menos é mais.  

Passo a passo de como fazer uma carta de apresentação! 

Para saber como fazer uma carta de apresentação da maneira correta, é necessário entender todos os processos de estruturação do conteúdo, para que as informações possam ser passada com o máximo de clareza e objetividade.

Antes de começar a desenvolvê-la, pense sobre os principais objetivos para esta candidatura, como o motivo de se inscrever e também como você pode contribuir para a organização. A partir disso, vamos à estrutura.

Introdução

Dentro deste tópico, comece abordando sobre sua formação acadêmica ou se você está na graduação, informando sobre o período e projetos executados até o momento — desde que eles façam sentido para a vaga. 

Também inclua experiências profissionais relacionadas. 

Contextualização

Agora, mostre de forma clara, objetiva e verdadeira, como e por quê você pode contribuir com a empresa.

É claro que deve mostrar suas qualidades profissionais, habilidades, estudos e quais requisitos preenche, mas não deixe que o ego fale mais alto. Insira somente as informações que condizem com a vaga que a empresa anunciou. 

Conclusão

De forma geral, a carta de apresentação não deve passar de uma página, portanto, a conclusão deve ser sucinta. 

Finalize mostrando que você estudou sobre a vaga e a empresa e demonstre sua motivação em participar do processo seletivo. Aqui é a sua última chance de ganhar a atenção para a próxima etapa da seleção.  

Exemplo de carta de apresentação

Confira um modelo base que você poderá seguir e adaptar conforme suas qualificações e informações. 

 (Seu nome completo)

Prezado recrutador, 

Me chamo xxx, sou formado em xxx, com xx anos de experiência. Portanto, encaminho esta apresentação para me candidatar a vaga xx da sua empresa. 

Minha experiência e conhecimentos para este cargo são semelhante ao meu último emprego, onde era responsável por tal e tal atribuições durante o período de…

Além disso, tenho facilidade em…. por conta dos meus incentivos em cursos extracurriculares sobre o tema. 

Sou um profissional resiliente, com facilidade de trabalhar em equipe, com foco e metas pessoais e do grupo. 

A cultura da sua empresa vem de encontro aos meus princípios de colaboração, crescimento e… Portanto, com base no meu currículo em anexo, me coloco à disposição para contato e agendarmos uma entrevista. 

Atenciosamente, xxxx

telefone 

email

Linkedin

Alguns tipos de carta de apresentação

Existem outros modelos que podem se encaixar mais com o seu perfil, como: 

  • estagiários;
  • jovem aprendiz; 
  • específico de cada profissão;
  • especial para cada cargo; 

Quanto mais personalizado ao seu perfil, melhor. E para facilitar nessa busca, separamos alguns sites que podem ajudar você nessa construção. Confira a seguir. 

Alguns sites que criam carta de apresentação para você

Sim, existem sites com modelos prontos. Mas, antes de apresentarmos, é importante saber que você precisa editar as informações e adequá-las tanto ao seu perfil quanto ao da empresa, para que seja o, deixando mais natural e transparente possível. 

Conheça agora algumas das nossas indicações: 

Agora que você sabe como fazer uma carta de apresentação e a importância desse documento na construção da sua marca pessoal, basta seguir os pontos mencionados e criar a sua, contribuindo para o seu crescimento profissional.

E para te ajudar ainda mais nessa jornada, separamos este conteúdo sobre o que responder em uma entrevista de emprego, para que você tenha mais chances de alcançar seus objetivos profissionais.

Perguntas Frequentes

  1. Como devo começar a carta de apresentação? 

    Por ser um documento profissional, é essencial que comece com data, saudação e seu nome. Seguido de uma estrutura de introdução, contextualização e conclusão. 

  2. Quais as vantagens de fazer a carta de apresentação?

    No currículo, a empresa tem acesso somente às informações profissionais. E na carta de apresentação, tem mais chances de conhecer sobre sua trajetória ou conhecimentos adquiridos. Ou seja, passa a saber mais sobre você, dando diferencial de contratação.

  3. Qual o estilo verbal e a composição textual da carta de apresentação? 

    A carta de apresentação deve seguir as normas de escrita da língua portuguesa, sem apresentação de gírias, mas também nem tão formal. Ela deve ter o equilíbrio entre o profissional e o português correto.

  4. Quantas linhas tem uma carta de apresentação?

    De forma geral, a carta de apresentação não deve passar de uma página. Ela deve ser objetiva e apresentar as informações mais importantes para que você seja destaque entre os demais concorrentes. 

  5. Quando não colocar a carta de apresentação no currículo?

    Como este documento tem por objetivo ajudar a empresa a conhecer mais sobre as suas qualificações, é sempre interessante mostrá-la. Mas não envie caso seja indicado que não recebem este tipo de documento. 

Quer receber mais conteúdos brilhantes como esse de graça?

Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email e participe da comunidade