Formatação ABNT: Passo a Passo para fazer um trabalho excelente!

Confira, a seguir, como as regras da ABNT influenciam na hora de produzir um ótimo trabalho de conclusão de curso!

Desenvolver trabalhos e pesquisas científicas requer mais do que obter os conhecimentos. Conseguir passá-los adiante é uma parte igualmente importante do processo. E, para isso, é necessário saber como formatar o trabalho pelas regras da ABNT, garantindo mais credibilidade ao conteúdo.

Na parte estrutural de um trabalho acadêmico, existem diferentes normas que podem (e devem) ser seguidas. Elas variam de acordo com o formato do que está sendo desenvolvido, porém, o objetivo é sempre o mesmo: tornar o conhecimento científico mais seguro e padronizado.

No Brasil, a produção acadêmica é regida pela ABNT e os alunos temem o tema quando chega o momento do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). Diante de tantas dúvidas, vamos explicar um pouco sobre essas normas e como elas ajudam a padronizar o material criado. Confira!

O que é ABNT?

ABNT é a sigla para Associação Brasileira de Normas Técnicas, um órgão responsável pela normatização de processos técnicos no país. Suas normas regem os principais setores do país, sendo eles o de produção industrial, tecnológica e de serviços.

Os estudantes conhecem a associação por conta das regras para trabalhos acadêmicos, que devem ser seguidas para que seu conteúdo seja melhor avaliado. Apesar de sua importância e reconhecimento, ela é uma organização privada e a sua utilização por parte das instituições brasileiras é opcional.

Por que é importante formatar trabalho com as regras da ABNT?

Saber como formatar trabalho pela ABNT, é importante para dar mais confiabilidade para a produção científica. Sem ela, seria possível realizar trabalhos sem critérios compreensíveis, o que afetaria a credibilidade do desenvolvimento do conhecimento.

Para os estudantes, as normas da ABNT fazem parte da avaliação dos trabalhos. Dessa forma, a nota do seu artigo científico ou TCC depende da adequação ao formato delas.

Como o trabalho é dividido nas normas ABNT?

De acordo com as normas da ABNT, o trabalho acadêmico é dividido entre elementos pré-textuais, textuais e pós-textuais. Alguns deles são obrigatórios, enquanto outros são opcionais.

Entre os elementos pré-textuais estão a capa, folha de rosto, resumo, sumário, dedicatória, agradecimentos, epígrafe, abstract e listas.

Na parte de formatação ABNT de elementos textuais estão o grosso do texto, incluindo a introdução, desenvolvimento e conclusão.

Por fim, é necessário formatar o trabalho pela ABNT em relação aos elementos pós-textuais, compostos pela bibliografia, anexos e apêndices.

Quais são as normas da ABNT?

Elas são inúmeras, já que, como falamos anteriormente, a ABNT se estende para além do conhecimento científico. Para propósitos acadêmicos, as principais são:

  • As normas de referências;
  • Numeração progressiva;
  • Sumário e resumos;
  • Resenhas e recensões.

As normas da ABNT são identificadas pela sigla “NBR”, seguida de uma sequência de números. A NBR que rege trabalhos acadêmicos, por exemplo, é reconhecida como NBR 14724.

Nesse passo a passo vamos te mostrar como formatar o trabalho com as regras da ABNT

A seguir, conheça um passo a passo que vai te ajudar na hora de formatar um trabalho pelas normas da ABNT:

  1. Identifique seu tipo de trabalho acadêmico

    Embora as regras para elementos específicos (como o resumo) sejam as mesmas, não é necessário usar todas as normas em tudo o que for desenvolver.

  2. Acesse um site confiável

    O ideal é buscar por um site que disponibilize as normas específicas que irá utilizar. As bibliotecas digitais das instituições de ensino superior costumam ser uma excelente fonte para essa etapa.

  3. Defina os parâmetros do texto

    Aqui, você deve deixar os parâmetros iniciais do seu editor de texto configurados, como as margens, tipo, cor e tamanho da fonte, espaçamento e justificação do conteúdo, de acordo com a formatação da ABNT.

  4. Faça o “esqueleto” do seu trabalho

    Cuide de alguns detalhes antes de iniciar texto. Isso inclui a paginação, capa, sumário e outros elementos obrigatórios. Aqui só estaremos nos preocupando com a “forma”, então o conteúdo não precisa estar pronto ainda, tudo bem?

  5. Desenvolva o seu trabalho

    Comece a produzir o texto, sempre utilizando as regras específicas mais viáveis para o seu conteúdo, para que seu TCC possa passar mais confiabilidade e autoridade.

  6. Inclua as referências bibliográficas

    Organize todas os links ou estudos que você utilizou como referência para a produção do conteúdo, dando os devidos créditos aos autores que você consultou.

  7. Faça a revisão

    A revisão tem que ser feita de maneira minuciosa, para que seu conteúdo não apresente nenhum ou a menor quantidade de erros possíveis, pois isso também será avaliado pela bancada.

Algumas ferramentas que poderão te ajudar a formatar seu trabalho com a norma ABNT

Para entender melhor como formatar um trabalho pela ABNT, uma grande ajuda é contar com ferramentas que otimizam essa tarefa. Conheça algumas delas:

Mettzer

Uma plataforma criada com o principal objetivo de auxiliar na produção de trabalhos acadêmicos, ela oferece uma série de ferramentas bastante úteis.

Google Docs

Um editor de textos muito indicado por um principal motivo: o seu salvamento automático na nuvem. Afinal de contas, tudo o que você não quer é concluir o seu trabalho e descobrir que o perdeu porque o pendrive pifou, certo?

FastFormat

Similar ao Mettzer, ele é um software online gratuito com diversos recursos para formatação de textos científicos.

Google Acadêmico

Uma base de dados bastante indicada para estudantes que estejam buscando fontes bibliográficas confiáveis para seus trabalhos.

Saber como formatar trabalho pelas regras da ABNT é uma tarefa árdua, mas bastante necessária. Com a ajuda de pesquisas e persistência, elas te ajudarão a deixar os seus materiais mais confiáveis e com credibilidade.

Agora que você já sabe as regras da ABNT e como formatar um trabalho de acordo com elas, acesse nosso conteúdo sobre rotina de estudos e comece a se organizar melhor!

Perguntas frequentes

  1. Qual é o tamanho correto da margem conforme ABNT?

    Esquerda e superior: 3cm. Direita e inferior: 2cm.

  2. Onde consultar as normas da ABNT?

    As normas da ABNT podem ser consultadas em diferentes sites. Embora a instituição possua um portal oficial (http://www.abnt.org.br/), ele é dedicado a funções diversas, tornando a pesquisa específica para trabalhos acadêmicos dentro um pouco mais complexa.

  3. Posso inserir notas de rodapé no TCC?

    Sim, mas elas possuem funções específicas. Notas de rodapé devem ser utilizadas somente em caso de citação de fontes ou explicações adicionais que não se encaixem no texto.

  4. O que deve vir em itálico no texto científico?

    O itálico pode ser usado para palavras estrangeiras sem um equivalente em português, títulos de obras e publicações (como livros, peças, jornais e filmes), espécies (homo sapiens, por exemplo) ou para dar ênfase.

  5. O que significa a expressão APUD?

    Apud é uma expressão do latim que significa, entre outras coisas, “junto a”. Ela é usada para fazer citações bibliográficas indiretas, quando as palavras são suas, mas a ideia é proveniente de outro autor.

  6. Quais são os elementos obrigatórios na estrutura de um trabalho acadêmico?

    De acordo com a formatação ABNT: capa, folha de rosto, folha de aprovação, resumo (em língua portuguesa e em língua estrangeira) e sumário.

  7. Em que consiste a epígrafe de um TCC?

    A epígrafe é um pequeno texto introdutório, geralmente uma citação, sobre algo que tenha inspirado o autor ou faça sentido para o trabalho. Ela é um elemento opcional.

  8. Posso inserir imagens e ilustrações em um texto acadêmico?

    Sim, mas elas devem fazer sentido no contexto do trabalho e seguirem as regras específicas de formatação da ABNT.

  9. Quando posso utilizar ‘aspas simples’ na citação?

    Aspas simples são usadas quando existe uma citação dentro de outra. Por exemplo: se você tiver citando um autor e, no texto original, ele utilizar aspas para citar um segundo. Neste caso, as aspas duplas se tornarão simples no seu trabalho.

  10. Como destacar palavras estrangeiras no TCC?

    Palavras estrangeiras são destacadas usando o itálico.

Quer receber mais conteúdos brilhantes como esse de graça?

Inscreva-se para receber nossos conteúdos por email e participe da comunidade